sexta-feira, 18 de maio de 2012

Álcool: Classificações e Nomenclatura.

Começamos agora o estudo das funções orgânicas oxigenadas. Veremos nesse grupo composto formados por carbono, hidrogênio e oxigênio.

O primeiro deles é o álcool, caracterizado pela hidroxila (-OH) ligada a um carbono saturado, ou seja, ligada a um carbono que faz quatro ligações simples.


A princípio, as outras ligações do átomo de carbono serão com hidrogênios ou com outros átomos de carbono, desde que estas, não sejam, obviamente, ligações duplas ou triplas. Fato que descaracteriza a função álcool.


Os álcoois são classificados em duas categorias:

¬ De acordo com o número de hidroxilas;


É importante observar que não veremos álcool com duas hidroxilas no mesmo carbono, ao contrário dos haletos orgânicos, que podem apresentar dois halogênios no mesmo carbono.

¬ De acordo com o carbono ligado à hidroxila.


Esta classificação parece, do ponto de vista do estudante, sem sentido. Mas ajuda a compreender como os álcoois se comportam em reações orgânicas e como eles são obtidos a partir de outras substâncias.

Nomenclatura

A nomenclatura IUPAC dos álcoois obedece à regra de hidrocarbonetos, com a pequena diferença de acrescentar "ol" no final do nome e, quando necessário, o número da posição do grupo hidroxila antes do "ol". Complicou? Veja os exemplos:


Note que à direita é apresentado o nome de acordo com a nomenclatura usual ou "vulgar", mas ainda assim utilizada com frequência pelos autores de exercícios.

Teve dúvida ou faltou algo? Deixe seu comentário.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Devido a brincadeiras de mal gosto e comentários trolls, os comentários serão moderados a partir de agora. Agradeço a compreensão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...