segunda-feira, 17 de março de 2014

Top 10

Com orgulho e algum atraso eu parabenizo o lateral direito do Flamengo nos últimos dez anos por fazer parte da lista dos dez jogadores que mais vezes vestiram o manto sagrado.

Antes de mostrar a tabela com os dados de Léo Moura e citar o evento no qual isso aconteceu, eu quero lembrar o dia 24 de fevereiro de 2012, quando postei uma singela homenagem ao Jordan, falecido sete dias antes e quarto maior recordista de partidas com a camisa do flamengo.

O que comentei naquela circunstância e ainda hoje se observa é a ausência de jogadores rodados no elenco rubro-negro, mas rodados com o manto sagrado. Apenas quatro, assim como em fevereiro de 2012, vestiram o vermelho e preto em mais de cem partidas.



Dos seis anteriormente listados, apenas Léo Moura continuou atuando regularmente, Welinton saiu e voltou, David Braz e Airton saíram logo após passarem de cem partidas. Renato Abreu e Willians não avançaram muito e Ibson chegou e saiu de forma apagada, lamentavelmente.

Aquele que faltava Léo Moura alcançar era o Zinho, Crizam César de Oliveira Filho, dono da marca de 470 partidas. Marca esta que foi atingida a pouco menos de uma década, antes até de Léo Moura se transferir para o Flamengo.


Imagem retirada deste link.

E foi justamente em uma partida contra o Botafogo, com uma participação breve graças a uma contusão muscular e temperada por uma conquista de Taça Guanabara que a presença isolada entre os dez mais se deu. Top 10 este que ficou assim:



Penso que não importa muito, além do atleta em si, quem está estre os dez mais ou não. Quem ganha com a longevidade de jogadores como esses atuando em alto nível com o manto sagrado é o Flamengo.


Nenhum comentário:

Postar um comentário

Devido a brincadeiras de mal gosto e comentários trolls, os comentários serão moderados a partir de agora. Agradeço a compreensão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...