quinta-feira, 1 de julho de 2010

Julho, o mês insano!

Pronto, começou. Neste mês de julho vou colocar em prática meu período de atividades mais insanas. Apesar de que a insanidade começou no último sábado ao voltar de Ervália (após o aniversário da Hanna) e bater fotos em frente a uma igreja que mais parecia saída do filme Colheita Maldita ou da série Resident Evil, faltou apenas o milharal, que costumam plantar por lá, mas não nesta época do ano, uma pena.


Penso eu aqui com meu teclado, o que posso oferecer de insano para o mundo? Essa desgraça desse povo já faz cada merda por por aí que não vejo como superá-los sem colocar em risco minha vida profissional. Sendo assim, vai aqui uma foto de eu e Pablo, um amigo ateu (e ateu amigo, parceiro de empreitadas diversas neste país cristão e de mau gosto musical), na frente de tal igreja. Além dele, vale destacar o valente 

Irineu, motorista da vez. Por fim, agradeço à Tia Aurélia por enfrentar seus medos e nos fotografar neste momento ébrio.

Para acompanhar, uma música que combina muito com o momento, a única música que conheço que é, ao mesmo tempo, nome da banda que a criou e do disco no qual ela foi lançada: Black Sabbath. Para aqueles que não gostarem, a vida é muito curta pra se preocupar com isso. Para aqueles que criticarem de forma destrutiva, vão tomar no centro geométrico do respectivo ânus (também conhecido por olho do cu). Para os piadistas de plantão, se fodam seus arrombados.

Mais insanidades após o jogo insano do Brasil, disparando, muito provavelmente, contra o insano do Dunga.

Um comentário:

  1. vou te contar viu, é cada um que me aparece, dá até vergonha falar que são meus professores KKKKKK [tõ zuandoo] :D

    ResponderExcluir

Devido a brincadeiras de mal gosto e comentários trolls, os comentários serão moderados a partir de agora. Agradeço a compreensão.

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...